Como o Marketing de Conteúdo pode alavancar seu negócio

Tempo de leitura: 7 minutos

Marketing de ConteúdoQue é praticamente impossível vivermos sem internet hoje em dia todo mundo sabe. Diante deste cenário tão forte, é inegável que muitas coisas tiveram de se adaptar ao frenesí cibernético.

A forma como nos comunicamos com o outro mudou, a velocidade da informação se alterou, oportunidades surgiram e, no mundo dos negócios, isso não foi diferente. Grandes corporações se renderam à web e hoje estão adaptando a forma como se relacionam com o cliente.

Tudo isso está interligado ao conceito de marketing, um dos elementos determinantes para o sucesso ou fracasso de uma empresa, e que tem ganho novas nuances na forma como é utilizado, como por exemplo, o surgimento do chamado marketing de conteúdo.

A presença do marketing de conteúdo em sua essência no mercado não é nova. Este conceito existe desde 1895, quando John Deere lança a revista “The Furrow” para seus clientes.

Mais de um século se passou e as estratégias de propaganda advindas deste período ainda são aplicadas; outras foram aperfeiçoadas e, como inerente a todo avanço, novas técnicas vão surgindo.

Por isso, mostramos a seguir alguns conceitos e dicas importantes de como o marketing de conteúdo pode alavancar o seu negócio.

O que é marketing de conteúdo?

Marketing de conteúdo imagem 2Em uma definição simplificada, marketing de conteúdo são estratégias criadas com o objetivo de aproximar o público-alvo da empresa através do engajamento e educação deste público.

Há diversos mecanismos de envolvimento que podem ser utilizados: banners, blogs, vídeos, imagens, assessoria online, dentre outros. 

 

Para que serve o marketing de conteúdo?

Como qualquer outra forma de propaganda – que visa a captação de clientes – o marketing de conteúdo possibilita a expansão de sua rede de potenciais consumidores, através do envolvimento destes clientes com o conteúdo apresentado a eles. O engajamento positivo do público gera valor à sua marca e aumenta a possibilidade de negócios.

Quando utilizar o marketing de conteúdo?

Os meios mais comuns em que se utilizam técnicas de marketing de conteúdo são os de comunicação digital. Sites, revistas digitais, blogs, perfis sociais, canais de vídeo e portfolio online.

A melhor avaliação a ser feita para decidir se vale a pena ou não investir neste conceito é determinar se existe a necessidade de atender a um público digitalmente ou se há potenciais clientes que agregariam valor à sua marca caso houvesse uma plataforma online de conteúdos relevantes ao seu nicho de mercado.

 

Como realizar um bom marketing de conteúdo?

Imagem 3 de Marketing de ConteúdoExistem algumas dicas que tornam o engajamento do público mais eficiente, aumentando assim a visibilidade de sua empresa, impulsionando seu negócio.

1 –  Crie Páginas de Redirecionamento Específicas

Ao clicarem em seu link, procure redirecionar seus clientes à principal página de seu produto ou serviço. Ninguém gosta de cair em um site onde a informação desejada está escondida em alguma aba desconhecida.

As páginas de redirecionamento servem para levar o consumidor direto àquilo que precisa. Isto auxilia muito no aumento da taxa de tráfego, uma vez que seu conteúdo será fácil de encontrar.

2 – Delimite seu público

Uma das estratégias mais inteligentes para um marketing de conteúdo eficaz é saber exatamente quem é seu público consumidor.

Com base nas características de seu produto ou negócio, crie conteúdos que vão ao encontro do público desejado e que supram suas necessidades essenciais.

Entenda que não se pode agradar todo mundo, portanto, agrade aqueles com potencial de consumo.

3 –  Não sacrifique a qualidade

Mais importante do que escrever conteúdos de maneira frequente é postar algo que tenha embasamento.

Um artigo, post, crônica ou depoimento apoiado em fatos e pensamento crítico são meio caminho andado para quem quer acertar no marketing de conteúdo.

Procure educar seu público trazendo informações relevantes, que agreguem valor e conhecimento, pautadas em estudos, pesquisas, dados recentes ou entrevistas de especialistas no assunto.

4 – Crie conteúdos pautados em seus valores

O alicerce para qualquer engajamento é o sentimento de proximidade.

Pessoas se aproximam de outras pessoas que tendem a ter pensamentos, comportamentos e valores semelhantes. O mesmo se dá no ambiente corporativo.

Assim como é necessário delimitar seu público consumidor para atrair o maior número deles, é preciso manter uma política sólida e coerente com os valores do seu negócio para fidelizá-los.

Uma empresa volátil, que muda seus princípios para ganhar em quantidade não possui boas avaliações, prejudicando muito seu marketing de conteúdo.

 5 – Avalie sua campanha periodicamente 

Nunca deixe de monitorar os resultados de seus anúncios. Muitas vezes caímos no erro de pensar que a internet cuidará sozinha de todo o trabalho com o cliente. Se não está dando resultado, avalie a campanha e mude a estratégia.

6 – Prepare-se para as críticas. Elas são sua melhor avaliação

Toda propaganda está sujeita a aceitação ou rejeição. Prepare os conteúdos a serem divulgados sabendo que há a possibilidade de críticas.

Ter um canal que permita ao cliente deixar suas impressões sobre a marca permite que avaliações mais eficientes e concretas sejam feitas.

Isso promoverá melhorias futuras que diminuirão os riscos de rejeição por parte de novos consumidores.

Erros comuns do marketing de conteúdo

Marketing Nova imagem ConteúdoEm se tratando da produção de conteúdo para um público específico, é preciso se atentar para alguns detalhes que fazem a diferença na captação de possíveis clientes.

As dicas a seguir te ajudam a manter distância dos fatores que podem prejudicar seu marketing de conteúdo.

1 – Não manter um calendário de postagens

A internet é um ambiente muito dinâmico que precisa ser alimentado de forma constante. Quando se trata de fidelização de público utilizando técnicas de marketing de conteúdo, a manutenção de um calendário de postagens é algo essencial.

Todo cliente que utiliza um serviço de uma empresa organizada sabe exatamente o que esperar dela.

No âmbito virtual não é diferente. Se a sua companhia prometeu conteúdos semanais, então, toda semana eles devem estar lá. Caso contrário, passará descrédito ao seu público e isso trará avaliações negativas.

2 –  Não investir em meios de divulgação

Marketing de conteúdo exige tempo, dedicação e investimento. O sucesso do engajamento com o público está diretamente ligado à qualidade do serviço oferecido. E não há qualidade em algo feito às pressas e com o mínimo do investimento.

Analise as prioridades de seu negócio e determine quanto está disposto a investir, quais canais de comunicação são mais adequados para a divulgação de seu conteúdo, procure profissionais capacitados e monitore os resultados com frequência.

3 – Esperar retorno rápido

Um negócio não se estrutura da noite para o dia. São necessários meses ou até anos para estabelecer uma empresa e conquistar clientes. O mesmo processo é válido quando falamos de engajamento com potenciais consumidores no ambiente virtual.

Conquistar a simpatia e o interesse de pessoas que nunca tiveram contato com a sua marca é um processo um tanto lento.

Portanto, tenha paciência. Saiba que os resultados surgirão de maneira controlada e gradual.

Todas essas dicas são úteis para o seu negócio mas, nada substitui o empenho pessoal. Técnicas são aperfeiçoadas, modificadas e renovadas a todo o instante, porém, sempre irão precisar de alguém que faça uso delas. Lembre-se sempre de que você é o seu maior cartão de visitas.